Veja como conseguir bolsa para graduação na FGV

Fundação Getúlio Vargas oferece bolsas de estudo por desempenho aos mais bem classificados no vestibular.

Estadão.edu

06 Setembro 2011 | 18h42

A Fundação Getúlio Vargas (FGV) oferece bolsas de estudo por desempenho aos candidatos mais bem classificados no vestibular. Para os alunos regularmente matriculados, há possibilidade de concessão de bolsas parciais, semestralmente renováveis, de acordo com a condição social do aluno. Para mantê-las, basta ter bom desempenho acadêmico, conforme as regras de cada escola da FGV.

A concessão de bolsas de estudo, no Rio de Janeiro e em São Paulo, obedece aos seguintes critérios:

Administração (RJ) – O curso de Administração no Rio dispõe de bolsas por mérito para os 10 primeiros colocados no exame do vestibular, conforme o resultado da classificação geral: 1º ao 5º - 100% e do 6º ao 10º - 50%.

 

Administração de Empresas (SP) – O curso oferecerá bolsas por mérito para os 10 primeiros colocados no exame ves­tibular, conforme o seguinte critério: 1º e 2º lugar – 100%; 3º e 4º lugar – 90%; 5º e 6º lugar – 80%; 7º e 8º lugar – 70%; 9º e 10º lugar – 60%. Também serão concedidas bolsas para alunos que comprovarem dificuldade econômica.

 

Administração Pública (SP) – O curso oferecerá bolsas de 100% para os cinco primeiros colocados no exame vestibular. Também serão oferecidas cinco bolsas integrais para alunos com dificuldade econômica comprovada.

 

Ciências Sociais (RJ) – bolsa de 100% por mérito para o primeiro colocado na classificação do Enem. Oferece também bolsas por mérito para os 10 primeiros colocados no exame vestibular, conforme o seguinte critério: 1º e 2º lugar – 100%; 3º e 4º lugar – 90%; 5º e 6º lugar – 80%; 7º e 8º lugar – 70%; 9º e 10º lugar – 60%.

Direito (RJ) – bolsa de 100% por mérito para o primeiro colocado na classificação do Enem. O curso de Direito no Rio dispõe de bolsas por mérito para os 10 primeiros colocados no exame do vestibular, conforme o resultado da classificação geral: do 1º ao 5º - 100%, e do 6º ao 10º - 50%.

 

Direito (SP) – Aos alunos que comprovarem necessidade, a escola oferece bolsas de estudo ressarcíveis (de 20% a 80% da mensalidade no semestre). A escola também oferece a Bolsa Mérito,  de 100%, não restituível, para os alunos que se destacarem nos estudos: o 1º colocado no vestibular no primeiro ano, o aluno com a maior média geral de cada turma do segundo ao quarto ano, e o 1º colocado em concurso de monografia no quinto ano.

Economia (RJ) – O curso de Ciências Econômicas oferecerá bolsas integrais aos 10 primeiros classificados no exame do vestibular que realizarem matrícula para início do curso no primeiro semestre de 2012.

 

Economia (SP) – Oferece bolsas por mérito, de 100%, para os cinco primeiros colocados no exame vestibular, e até cinco bolsas por mérito, para o 6° ao 10° colocado, cujo percentual de isenção da mensalidade será determinado, em cada caso, pela Diretoria.

 

História (RJ) – bolsa de 100% por mérito para o primeiro colocado na classificação do Enem. O curso de História oferece bolsas por mérito para os 10 primeiros colocados no exame vestibular, conforme o seguinte critério: 1º e 2º lugar – 100%; 3º e 4º lugar – 90%; 5º e 6º lugar – 80%; 7º e 8º lugar – 70%; 9º e 10º lugar – 60%.

 

Matemática Aplicada (RJ) – o curso de Matemática Aplicada oferece bolsa de 100% para os oito primeiros colocados no vestibular e duas bolsas de 100% para os dois primeiros colocados no Enem.

 

 Informações sobre a oferta de bolsas estão no manual do candidato, baixável no site do vestibular (www.fgv.br/vestibular). As escolas do Rio de Janeiro aceitam inscrições até 3 de outubro, e as de São Paulo, até 17 de outubro. A taxa de inscrição custa R$ 150 e deve ser feita somente pelo site do vestibular.

 

Mais informações: 0800 770 0423 ou vestibulares@fgv.br

* Com informações da assessoria da FGV

 

Mais conteúdo sobre:
FGV, Vestibular, bolsa

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.