USP vai financiar pesquisas com recursos próprios

Instituição destinará R$ 50 milhões de seu orçamento de 2011 para pesquisas

Estadão.edu

27 Outubro 2010 | 15h25

A USP publicou edital nesta quarta-feira, 27, em que comunica a destinação de R$ 50 milhões de seu orçamento de 2011 para o financiamento próprio de pesquisas. Os recursos serão divididos entre três grupos: os núcleos que já recebem financiamentos externos e ganharão um reforço da universidade; os que terão nesse montante sua maior fonte de verbas; e os centros caracterizados pela prestação de serviços, como laboratórios, que poderão ser usados por diferentes unidades da instituição.

 

O objetivo, segundo a USP, é transformar a maneira como desenvolve suas pesquisas, que têm como fontes principais de recursos agências de fomento como o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

 

A instituição afirma que a verba destinada a esse projeto não comprometerá investimentos em outras áreas nem o pagamento da folha de pessoal, que responde por 85% de seu orçamento anual. Os R$ 50 milhões virão do remanejamento dos 15% restantes.

 

O financiamento contemplará grupos que atendam dois pré-requisitos: excelência e interdisciplinaridade. O edital prevê um número máximo de beneficiados em cada um dos três segmentos, mas não haverá uma cota mínima.

 

A seleção dos grupos contemplados será feita por uma comissão formada por membros da universidade e avaliadores externos.

Mais conteúdo sobre:
USPPesquisaEnsino superior

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.