USP converte seis obras da lista da Fuvest em audiolivros

Os arquivos, em formato Daisy, já estão disponíveis para download pela internet

Estadão.edu, com Portal USP,

14 de dezembro de 2012 | 14h43

A USP converteu 6 das 9 obras da lista de leitura obrigatória do vestibular da Fuvest em audiolivro para ajudar candidatos com deficiência visual. Os arquivos têm formato Daisy - de Digital Accessible Information System - e seguem o padrão internacional de acessibilidade.

 

As obras estão disponíveis online desde o dia 23 de novembro, no site www.bibliotecas.usp.br/acessibilidade.

 

Foram editados os audiolivros Til (José de Alencar), Memórias de um Sargento de Milícias (Manuel Antônio de Almeida), Memórias Póstumas de Brás Cubas (Machado de Assis), O Cortiço (Aluísio Azevedo), Viagens da Minha Terra (Almeida Garret) e A Cidade e as Serras (Eça de Queirós), todos em domínio público.

 

O projeto é uma parceria entre o Sistema Integrado de Bibliotecas (Sibi) da USP, o Programa USP Legal, a Editora Martin Claret e a Empresa eDaisy, desenvolvedora do software que possibilita a migração de conteúdos para o formato Daisy.

 

“Nosso programa consiste em migrar conteúdos produzidos pela própria comunidade uspiana e dos quais tenhamos os direitos autorais”, explica Sueli Mara Ferreira, diretora técnica do Sibi. “Com a aproximação da primeira fase da Fuvest nos ocorreu prestar mais esse serviço à comunidade.”

 

Neste ano a Fuvest recebeu a inscrição de 72 pessoas com deficiência visual, das quais 12 foram convocados para a segunda fase do vestibular. Os nomes dos classificados serão divulgados na segunda-feira, 17.

Apesar de todos os volumes migrados serem de domínio público, as versões utilizadas pelo projeto são de propriedade da Editora Martin Claret, que cedeu seus direitos gratuitamente.

 

Para o futuro, o Sibi espera criar um portal de livros Daisy aberto publicamente na web onde serão incluídos diversos conteúdos da USP, além dos livros da lista da Fuvest. “Também estamos estudando a possibilidade de deixar esse portal aberto para que pessoas da comunidade possam depositar arquivos em áudio ou Daisy que tenham produzido e que possam ser compartilhados”, diz Sueli.

Tudo o que sabemos sobre:
LiteraturaFuvestUSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.