Universidade mato-grossense forma 1ª turma de indígenas

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) formou, nesta terça-feira, uma turma de 186 estudantes indígenas, em solenidade no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá. Pela primeira vez, uma universidade forma uma turma 100% indígena.Os graduandos passarão a ministrar o ensino médio nas aldeias, com a habilitação exigida pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) - estarão habilitados em licenciatura de Ciências Sociais, Línguas, Artes e Literatura e Ciências Matemáticas. A turma, aberta em julho de 2001, reúne alunos de 11 Estados. A segunda turma foi criada em janeiro do ano passado, com cem estudantes.O curso, que reuniu 44 etnias e 33 línguas diferentes em uma sala de aula, foi idealizado há seis anos, com a conclusão da formação em magistério de professores indígenas.

Agencia Estado,

06 de junho de 2006 | 15h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.