Unicamp divulga lista de aprovados para a segunda fase

Provas serão nos dias 10 a 13 de janeiro; candidatos devem consultar os locais de prova

Elida Oliveira, Especial para o Estadão.edu

16 Dezembro 2009 | 11h33

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) divulgou a lista de candidatos aprovados para a 2ª fase. Cerca de 52.529 pessoas fizeram as provas no dia 15 de novembro, em 24 cidades do País.   A Comissão Permanente para os Vestibulares, Comvest, responsável por realizar o processo seletivo da Unicamp, alerta que os candidatos que passaram para a 2ª fase devem consultar também os locais de prova, já que pode haver alteração em relação aos lugares em que foi aplicada a 1ª fase. Para isso, eles devem acessar a página da Comvest e digitar o número de inscrição.     Veja mais:  Confira aqui os nomes dos aprovados  Acesse aqui os locais de prova  Relação candidato/vaga para a 2ª fase  Nota de corte da redação Confira o calendário     A prova da Unicamp é conhecida por ser temática e nesse ano tratou de "Gerações". As propostas para a redação e as 12 questões gerais foram formuladas a partir deste prisma.   Em cada carreira, são convocados os candidatos que tiveram rendimento igual ou superior a 48 pontos na 1ª fase, em número mínimo de três e máximo de oito vezes o número de vagas do curso.   A 2ª fase da Unicamp acontecerá nos dias 10 a 13 de janeiro. As provas de habilidades específicas para os cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais, Dança e Música, em 18 a 21 de janeiro.   A abstenção deste ano foi um pouco maior que no vestibular passado: 5,3% contra 4,6% no ano anterior. Dos 55.484 inscritos no Vestibular 2010, 2955 candidatos não compareceram para fazer o exame.   Vestibular da Unicamp em 2011 A partir do próximo ano, o vestibular da Unicamp vai mudar.  Na 1ª fase, os alunos terão que fazer três redações, em vez de uma, como foi até então. Os textos de todos os candidatos serão corrigidos, independentemente dos pontos alcançados na prova dissertativa.   O peso da redação continua sendo de 50% da nota da 1ª fase. De acordo com a Comvest, o novo formato reforça a integração entre leitura e escrita, além de ampliar as possibilidades de avaliação, aumentando assim a confiabilidade da seleção.   No próximo vestibular da Unicamp os candidatos deverão responder a mais questões dissertativas na 2ª fase - e com um dia a menos. Serão 48, e não mais 12 questões, a serem feitas em 3 dias, e não 4. As perguntas estarão divididas em áreas de conhecimento, como é no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Serão 12 de Matemática; 18 de Ciências Humanas, Artes e Humanidades, sendo pelo menos 6 de Geografia e 6 de História; e 18 questões na área de Ciências da Natureza, distribuídas entre Ciências Biológicas, Física e Química. Os conhecimentos de Filosofia, Sociologia e Artes serão introduzidos na medida em que estas disciplinas forem incorporadas ao ensino médio.   O tempo de duração da prova da primeira fase passará de 4 para 5 horas. O Enem continuará representando 20% da nota da 1ª fase e se tornará obrigatório a todos os candidatos a uma vaga na Unicamp. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.