Felipe Rau/AE
Felipe Rau/AE

Unicamp aplica provas da 2.ª fase do vestibular de 15 a 17 de janeiro

Seguem na disputa 16.665 candidatos; eles devem consultar os locais de exame no site da Comvest

Estadão.edu,

11 Janeiro 2012 | 16h40

SÃO PAULO - A temporada dos grandes vestibulares em São Paulo está chegando ao fim. Nos próximos dias 15, 16 e 17, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) realiza a segunda fase de seu processo seletivo. Seguem na disputa 16.665 candidatos.

 

Nesta etapa, os estudantes respondem a 24 questões dissertativas a cada dia de prova. No primeiro dia são aplicados os exames de língua portuguesa e literatura e o de matemática. No segundo, o de ciências humanas e artes e o de língua inglesa. E no terceiro, o de ciências da natureza.

 

O vestibular seleciona para 3.444 vagas em 66 cursos da Unicamp e dois cursos da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp). Nesta segunda fase, a graduação mais concorrida é Comunicação Social (com habilitação em Midialogia), com 9,1 candidatos por vaga. O menos disputado, com 1,2 candidato por vaga, é Tecnologia em Sistemas de Telecomunicações.

 

A Comvest, que organiza o vestibular, orienta os candidatos a chegarem ao local de prova ao meio-dia. O acesso às salas só será permitido até as 13 horas. Não haverá tolerância. Nos Estados onde não há horário de verão, será obedecido o horário local e não o de Brasília.

 

A comissão sugere aos estudantes que façam o percurso até o local de provas antes do dia do exame, para conhecerem o caminho. O candidato poderá fazer os exames da segunda fase em local diferente do da primeira etapa.

 

Além dos locais, também há mudança de cidade em dois casos: os candidatos que fizeram a primeira fase em Sumaré farão a segunda fase em Campinas; aqueles que fizeram a primeira fase em São Bernardo do Campo farão a segunda em Santo André.

 

Os locais de prova são informados individualmente no site da Comvest (comvest.unicamp.br/), no momento da consulta à lista de aprovados, através do número de inscrição ou nome do candidato. A Comvest orienta os candidatos a imprimir ou anotar e guardar o endereço de seu local de prova. As notas obtidas pelos candidatos na primeira fase já estão disponíveis.

 

Este ano, o vestibular da Unicamp registrou número recorde de inscrições: 61.509 candidatos.

 

Foram convocados para a segunda fase, os alunos que obtiveram nota igual ou superior a 550 pontos na primeira fase, em número mínimo de três e máximo de oito vezes o número de vagas do curso escolhido em primeira opção.

 

Orientações

 

Na segunda fase, os candidatos deverão levar o original do documento indicado na inscrição, caneta esferográfica de tinta preta em material transparente, lápis preto, borracha, uma pequena régua transparente e compasso.

 

É vedada a utilização de aparelhos celulares ou quaisquer outros equipamentos eletrônicos, relógios digitais, corretivo líquido, lapiseira, bandana/lenço, boné, chapéu, ou outros materiais estranhos à prova. O candidato poderá usar relógio analógico para controlar o tempo.

 

Também é proibido entrar nas salas de prova portando celulares. O candidato que for pego com celular (ainda que desligado), durante a realização das provas, será eliminado do processo seletivo.

 

Todos os estudantes aprovados devem fazer todas as provas da segunda fase, independentemente do curso escolhido.

 

Os candidatos aos cursos com provas de habilidades específicas (que ocorrem entre 23 e 26 de janeiro) deverão consultar as orientações para a realização dos exames, como locais e horários, no site da Comvest.

Mais conteúdo sobre:
Vestibular Unicamp Famerp

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.