Unesp Assis retoma aulas, suspensas por causa da gripe

Atividades voltam ao normal, após cinco dias de interrupção

26 Junho 2009 | 17h24

Após cinco dias com as atividades suspensas, o câmpus da Unesp de Assis retomou nesta segunda-feira suas atividades acadêmicas. A suspensão tinha sido adotada pela direção da unidade como medida preventiva após a confirmação de dois casos de gripe suína diagnosticados em alunas da Faculdade de Ciências e Letras da universidade. Segundo a direção, não foram confirmados outros casos da gripe entre estudantes, docentes e funcionários do câmpus.    Com a identificação do primeiro caso, a direção localizou e monitorou todos os alunos que tiveram contato com as estudantes infectadas pelo vírus. O primeiro caso foi o uma aluna do curso de Psicologia, após seu retorno de Buenos Aires. O segundo foi uma estudante de Ciências Biológicas que teve contato com a primeira aluna infectada. As duas já encerraram o período de quarentena, não transmitem mais o vírus, e passam bem.   O calendário acadêmico da Unesp de Assis, que também foi comprometido pela greve nas universidades estaduais paulistas, será reorganizado em conjunto com as três categorias: alunos, funcíonários e professores, para compensar os dias perdidos com aulas suspensas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.