UnB abre curso sobre Parcerias Público-Privadas

A Universidade de Brasília (UnB) inicia no próximo dia 15, pela primeira vez no País, curso de extensão sobre Parcerias Público-Privadas, com aplicação na área de transportes. O curso é coordenado pelo Centro de Formação de Recursos Humanos em Transporte (Ceftru) e direcionado para profissionais de órgãos públicos, da iniciativa privada e de organizações não-governamentais, que queiram compreender o projeto sobre parcerias público-privada proposto pelo governo, a PPP.Com a PPP, o governo federal visa garantir a realização de obras de infra-estrutura no país nos próximos anos. Por meio das parcerias, a administração pública poderá fechar contratos com empresas privadas para construir, gerir serviços, empreendimentos e atividades de interesse público, como infra-estrutura, saúde e educação. De acordo com o coordenador do curso, professor Joaquim Aragão, os participantes vão ter a oportunidade de entender a proposta governamental, os tipos de parcerias que podem ser firmadas, as etapas de montagem de um PPP e a complexidade da questão."A capacitação dos setores governamental e privado é fundamental para que as parcerias sejam efetivadas, além de evitar abandono dos projetos durante a execução. O projeto precisa ser gerenciado. Parceria exige confiança mútua das partes e tomar medidas preventivas", explica.

Agencia Estado,

14 de abril de 2004 | 01h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.