Último dia de inscrições para professores da rede estadual de SP

Termina nesta sexta-feira o prazo de inscrição para o concurso que pretende selecionar 49 mil novos professores, de 5ª a 8ª série, da rede de ensino do Estado de São Paulo. A expectativa da Secretaria Estadual de Educação é de mais de 250 mil inscritos.As vagas são para as seguintes disciplinas: Biologia, Ciências Físicas e Biológicas, Educação Artística, Física, Geografia, História, Inglês, Matemática, Português e Química.O interessado deverá ir a uma das agências autorizadas do Banespa (ver lista abaixo) ou se inscrever por meio do site www.sepeb2.com.br, no item "inscrição on-line". Feito isso é só pagar a taxa de inscrição no valor de R$ 16,80. No momento da entrega da ficha, o candidato necessita apenas mostrar o RG.Também será permitida a inscrição por procuração, com documento original do procurador e cópia autenticada do documento do candidato. No preenchimento o candidato terá a opção de assinalar até duas disciplinas.Formação superiorOutro requisito importante no ato da inscrição é a comprovação por parte do candidato de que possui curso superior - licenciatura de graduação plena, com habilitação específica na área escolhida; bacharel que fez complementação pedagógica e obteve licenciatura plena na disciplina ou que está cursando o último ano de licenciatura e pode participar da seleção.As solicitações podem ser enviadas via internet, desde que sejam seguidas à risca todas as orientações, com confirmação de envio de dados até 48 horas após a inscrição. Os pagamentos deverão ser efetuados na data de encerramento das inscrições. Passado o prazo não serão mais aceitos. O portador de deficiência deverá especificá-la na ficha de inscrição.No caso do deficiente físico, além dos documentos necessários, ele deverá citar também a característica na ficha de inscrição e levar até o posto na Rua Abílio Soares, número 461, Paraíso, zona sul de São Paulo.Provas em novembroAs provas do concurso estão marcadas para os dias 2 e 9 de novembro e serão divididas em duas partes: formação básica do professor (a mesma para todos os interessados) e a avaliação de formação específica.A avaliação específica, por sua vez, também será dividida em duas partes: a primeira - de caráter eliminatório com 80 questões objetivas, valendo um ponto cada questão, sendo aprovado o candidato que obtiver nota igual ou superior a 40 pontos e a segunda parte, também de caráter eliminatório, composta por quatro questões dissertativas, valendo cinco pontos cada uma. Para aprovação é necessário obter nota igual ou superior a cinco pontos.O salário do professor no início da carreira será de R$ 768,50 caso trabalhe 24 horas semanais. Se o professor trabalhar 30 horas semanais receberá R$ 960 por mês e para quem cumprir 40 horas semanais, o salário chegará a R$ 1.280.Clique para ver a relação de agências autorizadas do Banespa no

Agencia Estado,

26 de setembro de 2003 | 10h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.