Segundo turno da eleição para reitor será nesta 4.ª no Memorial da América Latina

Reitoria diz que não pediu reforço no policiamento

Paulo Saldaña, Especial para O Estado de S. Paulo

10 Novembro 2009 | 20h19

A votação do segundo turno das eleições para reitor da Universidade de São Paulo será realizada nesta quarta-feira, às 13h30, na biblioteca do Memorial da América Latina, na Barra Funda, zona oeste. A votação estava prevista para a tarde desta terça-feira, na Cidade Universitária, mas teve de ser adiada em virtude de um protesto promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintusp).   Veja mais:  Sindicato promete mais protestos para impedir eleição  Professores da USP ficam revoltados com adiamento A reitoria da USP orientou os 320 eleitores a entrarem no Memorial pela Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664, portão 6. A reitoria informou que não pediu reforço no policiamento para impedir novas manifestações, já prometidas pelo Sintusp. "A responsabilidade por qualquer violência é deles", afirmou Magno de Carvalho, diretor de base do sindicato. O sindicato diz ser contra o modelo de escolha do reitor, considerado antidemocrática. "Nós achamos um absurdo essa falta de respeito com a autonomia da universidade", ressalta Carvalho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.