Segunda fase do vestibular da Unesp tem 'prova inteligente'

Questões bem feitas conseguiram medir a formação do aluno, diz especialista

23 Junho 2013 | 20h20

A segunda fase do vestibular da Universidade Estadual Paulista (Unesp), que teve seu segundo e último dia de prova neste domingo, foi considerada bem feita pelos especialistas. "As questões estavam  claríssimas, inteligentes, conseguiam medir a formação do aluno e dar espaço para que ele expressasse seu conhecimento dos assuntos atuais", diz Vera Lucia da Costa Antunes, coordenadora do curso e colégio Objetivo.

Para ela, as questões de matemática e biologia foram bem fáceis e as de português, história e geografia estavam em um nível mediano. A surpresa ficou por conta da redação, que fugiu dos assuntos da atualidade. O tema "Curso Universitário em Outra Cidade: Motivações e Desafios" abriu espaço para que o candidato expusesse sua expectativa quanto ao próprio futuro. "É um texto com o perfil do vestibulando da Unesp, já que a maioria deles sai de casa para fazer o curso. Com isso, a Unesp aproveita para dar boas-vindas aos alunos."

O porcentual de abstenção da prova deste domingo foi de 25,7%, o equivalente a 3.051 candidatos dos quase 12 mil inscritos.Os candidatos concorrem a 420 vagas em agronomia, zootecnia e engenharias (ambiental, civil, de controle e automação, de produção, elétrica e mecânica) nos campus de Bauru, Dracena, Ilha Solteira, Registro e Sorocaba. O resultado será divulgado no dia 15 de julho.

 

Mais conteúdo sobre:
vestibular unesp redação

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.