Secretaria de Estado da Saúde de SP abre 853 vagas para universitários

Inscrição é para programa de humanização do atendimento hospitalar na rede estadual

estadão.com.br

18 de maio de 2010 | 14h51

SÃO PAULO - A Secretaria de Estado da Saúde abre nesta quarta-feira, 19, inscrições para 853 vagas do Projeto Jovens Acolhedores, de humanização do atendimento hospitalar na rede estadual de saúde. No programa, estudantes universitários fazem prestação de serviço em 60 hospitais e unidades de saúde estaduais na capital, Grande São Paulo, interior e litoral. As inscrições podem ser feitas até o próximo dia 2 de junho pelo site do programa.

 

Segundo a secretaria, para participar é preciso estudar em instituições que já se interessaram e se cadastraram na Secretaria. Não é preciso que o universitário interessado estude medicina ou qualquer outro curso na área da saúde. Depois do processo de inscrição, haverá sorteio para preenchimento das vagas.

 

Cada aluno contemplado receberá isenção da mensalidade escolar. A Secretaria irá pagar até R$ 350,00. As faculdades cadastradas se comprometem a complementar os valores.

 

O contrato é de um ano e os participantes precisam cursar do primeiro ao penúltimo ano universitário e ter disponibilidade de 20 horas semanais, entre segunda e sexta-feira. No momento da inscrição o estudante escolherá a unidade que deseja trabalhar, sem a necessidade de ser na cidade onde mora. Todos os bolsistas receberão treinamento específico da Secretaria para realização do atendimento nas unidades de saúde.

 

"O Jovens Acolhedores é um projeto de sucesso, que humaniza o atendimento nos hospitais estaduais. Todo acolhedor tem como principal atribuição receber pacientes e familiares com respeito e cordialidade, prestando orientação adequada e informações precisas", afirma o secretário de Estado da Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.