Reino Unido elimina avaliação de estudantes de 14 anos

Pais e professores britânicos reclamavam que as crianças tinham provas demais

AP

14 de outubro de 2008 | 19h33

Alunos britânicos vão ter uma prova a menos. O secretário da Educação, Ed Balls, disse nesta terça-feira, 14, que o governo está eliminando os testes nacionais para crianças de 14 anos em matemática, leitura e ciência.  Como nos Estados Unidos, pais e professores britânicos reclamaram que as crianças têm provas demais e que matérias que não têm testes estavam perdendo espaço. O governo não excluirá outros testes chave, incluindo aqueles para crianças de 11 anos e para adolescentes de 16. O teste cancelado era usado para julgar a qualidade da educação oferecida às crianças pelas escolas. O governo disse que haverá um maior esforço para aumentar o dos pais e professores aos relatórios.

Tudo o que sabemos sobre:
educaçãoReino Unido

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.