Reclassificados do ProUni devem confirmar dados

Os estudantes reclassificados pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) têm até sexta-feira, 23, para confirmar, na instituição de ensino superior em que foram aceitos, os dados socioeconômicos da ficha de inscrição. O Ministério da Educação (MEC) divulgou, recentemente, uma última lista de beneficiados. São 33.116 bolsas, sendo 17.868 integrais e 15.248 parciais, no valor de 50% da mensalidade. A lista pode ser conferida na página eletrônica http://prouni-inscricao.mec.gov.br/prouni/. Os reclassificados ocuparão as vagas dos estudantes selecionados na primeira etapa, mas que não comprovaram os dados. O prazo para os selecionados na primeira etapa foi até dia 2 de fevereiro. O aluno selecionado deve comprovar que cursou todo o ensino médio em escola pública ou que foi bolsista integral em instituição privada. Os que foram selecionados para bolsa integral devem ter renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio (R$ 525). Caso o estudante tenha sido selecionado para bolsa parcial (de 50%) deve comprovar uma renda familiar per capita de até três salários (R$ 1.050). O aluno deve apresentar também a carteira de identidade e o Cadastro da Pessoa Física (CPF).

Agencia Estado,

21 de fevereiro de 2007 | 15h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.