Professores de SP ameaçam entrar em greve em maio

Professores municipais podem entrar em greve no dia 15 de maio. Os servidores alertaram a prefeita Marta Suplicy sobre a paralização em manisfestação na sede da Secretaria de Gestão Pública, nesta terça-feira. Eles entregaram à secretária Mônica Valente uma proposta de reajuste. O ato na secretaria, durante a tarde, teve cerca de mil profissionais de educação do Município ? entre professores, especialistas e funcionários do quadro de apoio. Convocada pelo Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal (Sinpeem), a manifestação também tinha como objetivo protestar contra a reforma da Previdência, que está sendo feita pela União.

Agencia Estado,

30 de abril de 2003 | 14h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.