Para advogado da Uniban, Geisy é culpada por tudo que houve na instituição

O advogado Vicente Caccioni diz que Geisy é que teria de pagar pelos prejuízos causados

Mariana Lenharo, Jornal da Tarde e Estadão.edu

01 Julho 2010 | 15h05

O advogado da Uniban, Vicente Caccioni, afirmou que a ex-aluna de Turismo Geisy Arruda é culpada por tudo que houve na instituição, no ano passado. Caccioni, durante o intervalo da primeira audiência para decidir sobre a indenização milionária que ela pede à Uniban, que "está claro, até pelas palavras dela mesma, que ela foi a causadora de tudo".

 

"Tudo que ela fez foi no dispor foi no sentido de se expor e desencadear um processo de dinâmica de grupo que era previsível", afirmou.

 

Geisy, em 22 de outubro do ano passado, foi hostilizada por mais de uma centena de alunos da Uniban, por estar vestida com um minivestido rosa. Ela teria sido quase agredida por esse motivo. Mas, para o advogado da Uniban, é "ela que deve pagar à Uniban pelos prejuízos que a universidade teve".

 

"Ela provocou uma exposição da instituição, dando a impressão de que é uma instituição brutal", disse.

Sobre punição aos agressores de Geisy, ele desconversou: "Eles não agrediram a Geisy com palavras, eles estavam agredindo a policial feminina que estava escoltando ela".

 

A audiência está sendo realizada no Fórum de São Bernardo do Campo, na 9ª Vara Cível. Está prevista para terminar às 20h. A decisão não sai hoje, pois os depoimentos ainda devem ser transcritos e os advogados têm de apresentar alegações finais. 

Mais conteúdo sobre:
geisy arruda uniban

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.