Número de inscritos do Enem supera 4 milhões e é recorde

As mulheres são quem mais se interessa pela prova, requisito do ProUni: são mais de 2,4 milhões de candidatas

da Redação,

22 de agosto de 2008 | 17h41

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) registrou número recorde de inscrições em sua edição deste ano: mais de 4 milhões estudantes farão a prova, marcada para 31 deste mês, domingo, às 13h (horário de Brasília). É a primeira vez que esse número supera a marca dos 4 milhões. No ano passado, 3,5 milhões se inscreveram. O exame é realizado desde 1998.   O balanço consolidado de inscritos e participantes só sairá no final do ano, com as médias de proficiência do País e unidades da federação. Dados preliminares do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) indicam que a região Sudeste teve o maior número de inscritos, com 1,8 milhão de candidatos. São Paulo recebeu mais de  1 milhão de inscrições, sendo o Estado com o maior número de concorrentes.   Com 289.360 candidatos, a região Norte foi a que teve a menor adesão ao Enem. Na seqüência, vêm as regiões Centro-Oeste (324.704), Sul (484.948) e Nordeste (1.017.634).   As mulheres são as que mais se interessam pelo exame: são mais de 2,4 milhões de candidatas. Já os inscritos do sexo masculino somam 1,4 milhão. Outros 95.888 estudantes não informaram o sexo.   O Enem é composto por 63 questões de múltipla escolha e uma redação. O inscrito terá cinco horas para realizar a prova, que é um dos requisitos para o estudante concorrer a uma bolsa no Programa Universidade para Todos, o ProUni. Além disso, mais de 500 instituições utilizam o resultado do Enem como critério de seleção para o ingresso no ensino superior.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.