Na Inglaterra, filho cabula aula, pai paga multa

Pais que fracassem em evitar que seus filhos cabulem aulas repetidamente vão ser multados em mais de 100 libras (R$ 541,00) de acordo com novas regras que entraram em vigor hoje, na Inglaterra.Professores, policiais e funcionários da assistência social poderão impor multas de acordo com a Lei de Comportamente Anti-Social, aprovada no ano passado. Cerca de 50.000 estudantes ? de 9,2 milhões de alunos dos cursos básico e secundário ? escapam das salas de aula todos os dias, no país.Diretores de escola podem também multar pais que levem seus filhos da escola durante o período escolar normal sem permissão do estabelecimento. A lei prevê originalmente que os pais de cabuladores que se recusem a ajudar os assistentes sociais a tentar manter as crianças na escola deverão ser levados ao tribunal para receber multas ou até mesmo penas de prisão, num processo rapidíssimo. Mas como isto levará tempo para ser implantado, o governo já deu permissão a professores, policiais e assistentes para impor multas.

Agencia Estado,

27 de fevereiro de 2004 | 14h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.