Municípios paulistas receberão R$ 438 mil do MEC para criar matrículas em creches

Sorocaba, Saltinho e São João da Boa Vista receberão, no total, R$ 438.531,37 para a manutenção de novas matrículas em em creches

Luiz Fernando Toledo, O Estado de S. Paulo

09 Outubro 2014 | 13h03

Três municípios do Estado de São Paulo tiveram autorização do Ministério da Educação (MEC) para  receber recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Sorocaba, Saltinho e São João da Boa Vista receberão, no total, R$ 438.531,37 para a manutenção de novas matrículas em creches, construídas com recursos de programas federais. 

Sorocaba, no interior paulista, é a que mais receberá recursos: serão R$ 211,3 mil para a criação de 79 vagas em meio período, 23 em período integral e ainda 6 vagas em pré-escola. São João da Boa Vista deve receber R$ 43,8 mil, exclusivamente para a criação de 40 vagas em creches de tempo integral. Já Saltinho, com repasse de R$ 183,3 mil e terá o compromisso de abrir 80 vagas em regime de meio período. 

Municípios de outros 11 estados também receberão os recursos. O maior repasse será feito ao município de Araguaína (TO) que deverá criar 125 vagas para creches em período integral e outras 82 em meio período. O montante é de R$ 692 mil.

Para que os estabelecimentos recebam os repasses, devem ter sido construídos com recursos de programas federais, estar em plena atividade e com matrículas que ainda não tenham sido contempladas com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). 

As informações foram publicadas no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 9.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.