Arquivo Pessoal
Arquivo Pessoal

Minha biblioteca: Caio Rosenthal

O infectologista fala de seus quatro livros favoritos

Estadão.edu

26 Abril 2011 | 00h16

A Festa do Bode

Mario Vargas Llosa

 

"É o retrato da cruel ditadura do general Trujillo Molina, na República Dominicana, entre 1930 e 1961. Ele governou o país com mão de ferro, com a conivência dos americanos. Vale a leitura para quem felizmente não viveu a ditadura por aqui."

 

Crime e Castigo

Fiodor Dostoievski

 

"Descreve, por meio de seu personagem central, a miséria, pobreza, doença, enfim, o submundo da Rússia no século 19. O protagonista comete um assassinato enquanto delirante e febril e passa a conviver com este pesadelo, alterando sonho e realidade. A caracterização desse personagem é um perfeito tratado de psiquiatria."

 

Paula

Isabel Allende

 

"Paula tem 29 anos e morre devido à doença que herdou dos pais, a porfiria, após ficar em coma por um ano sob cuidados de sua mãe, a autora deste livro. A história vai além do lugar-comum, e faz chorar do início ao fim."

 

Sítio do Picapau Amarelo

Monteiro Lobato

 

"Peguei um exemplar do Monteiro Lobato para dizer que, sim, seus livros mudaram minha vida para sempre. A viagem é inesquecível e tão gostosa que ficamos bravos quando nos tornamos adultos."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.