<!-- meducação -->Alunas chinesas apostam no trabalho para achar maridos

As universitárias chinesas almejam uma carreira promissora e esperam ter bons salários, como todo jovem, mas alimentam também o sonho de encontrar no trabalho o seu futuro marido. Foi o que revelou uma pesquisa feita com 4.500 estudantes de mais de 20 universidades nos últimos meses.Segundo a agência Efe, a sondagem mostrou que a maioria (43%) dos estudantes de sexo masculino avalia as possibilidades de trabalho levando em conta principalmente a perspectiva de um bom desenvolvimento profissional. O salário é o principal para 39% e a comodidade do local de trabalho, para 24%.Entre as jovens, o salário e a comodidade do local de trabalho são os itens mais importantes para 40%, à frente da perspectiva de desenvolvimento profissional (37%). E uma grande parte (22%) destacou que o mais importante é buscar uma empresa em que elas possam conhecer o homem de seus sonhos e futuro marido."Como mulher, posso entender os resultados da enquete", disse Peng Jie, aluna do último ano da Universidade do Sudeste, que participou daorganização do estudo. "Ter um trabalho cômodo com um salário normal é suficiente para algumas mulheres. O que elas mais precisam é de um marido excelente, porque a concorrência social é feroz atualmente", afirmou ela à Efe.Para os rapazes, pesa a responsabilidade da ascensão profissional que garanta um padrão econômico elevado para suas futuras famílias, segundo o estudo, publicado no China Daily.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.