Ministério da Educação
Ministério da Educação

MEC libera orçamento de universidades e institutos federais

Verba de R$ 1,1 bilhão virá de remanejamentos internos da pasta; segundo Weintraub, nenhuma ação do ministério será prejudicada

Redação, Agência Brasil

18 de outubro de 2019 | 13h08

BRASÍLIA - O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta sexta-feira, 18, o descontingenciamento do orçamento das universidades federais, que foi possível a partir de um remanejamento do orçamento da pasta.

"Cem por cento de todo o orçamento para o custeio das universidades federais e institutos estão sendo descontingenciados neste momento", disse o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

Segundo ele, o contingenciamento não chegou a prejudicar nenhuma das ações da pasta.

"Foi feita uma boa gestão. Administramos a crise na boca do caixa. Vamos terminar o ano com tudo rodando bem", acrescentou.

De acordo com o secretário executivo do MEC, Paulo Vogel, estão sendo liberados R$ 1,1 bilhão dos R$ 19,6 bilhões que já estavam previstos para as despesas discricionárias do MEC. Vogel disse que o valor está sendo realocado de outras despesas ministeriais.

Enem

Na entrevista coletiva, Weintraub disse ainda que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cujas provas serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro, ocorre tranquilamente neste ano.

"As provas já foram impressas. Os alunos que se preparem."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.