Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

MEC elimina 21 candidatos que postaram fotos em redes sociais

Equipe especializada do Ministério monitora as redes e verifica se as imagens são verdadeiras

26 Outubro 2013 | 14h35

Até as 15h deste sábado, 26, 21 candidatos foram eliminados do Enem por postarem fotos nas redes sociais em todo o Brasil, segundo levantamento do Ministério da Educação.

De acordo com a assessoria de imprensa do MEC, uma equipe especializada monitora as redes e verifica, com rigor, se as imagens são verdadeiras e se realmente foram postadas de dentro das salas. Se confirmada a fraude, o candidato é desclassificado.

Uma jovem postou uma foto do cartão-resposta do teste em sua conta na rede Instagram assim que os portões das instituições foram fechados. “Boa sorte pra mim e para quem vai fazer #enem#sorte”, escreveu a garota na legenda da imagem. 

Em menos de uma hora, a foto recebeu mais de 3 mil opções 'curtir' e 20 comentários de jovens que criticaram a iniciativa. Segundo o edital do exame, a divulgação de imagens do gabarito durante a aplicação dos testes é proibida.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, confirmou ontem que a pasta faria um monitoramento nas redes sociais para acompanhar o comportamento de estudantes que postarem fotos da própria prova durante a aplicação. 

O ministro comparou o monitoramento nas redes sociais aos escândalos de espionagem do governo dos Estados Unidos, afirmando que o trabalho do MEC "não é tão eficiente" quanto o do governo Barack Obama, mas "é bom".

A assessoria de imprensa do ministério afirmou ao Estado que os candidatos que postarem fotos da prova poderiam ser eliminados a qualquer momento, mesmo durante a prova, sem direito a pedir recurso. Ao entrar na sala, os candidatos deveriam guardar celulares e outros dispositivos em uma embalagem plástica e guardá-los embaixo da mesa.

Perfil falso. Ainda de acordo com a assessoria, a conta do Instagram intitulada “mecbrasil” é falsa. Uma foto divulgada nesse perfil continha o texto: “Estamos de olho em todas as redes sociais e qualquer participante da prova que estiver postando fotos do gabarito e quaisquer informações sobre a prova serão eliminados em tempo real no local de realização da prova”.

* Matéria atualizada às 15h57

 

Mais conteúdo sobre:
Enem prova redes sociais

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.