MEC e CEF têm 70 mil vagas para estudar com crédito educativo

Os universitários que procuram financiamento para seus estudos têm uma boa oportunidade, a partir desta segunda-feira. O Ministério da Educação (MEC) abre as inscrições para o processo seletivo para os interessados em ingressar no Programa de Financiamento Estudantil (Fies). Estão previstas 70 mil vagas no programa.O Fies foi criado em 1999 em substituição ao antigo Programa de Crédito Educativo (PCE/Creduc), que surgiu em 1992. A responsável pelas operações do processo seletivo, que será o único realizado este ano, é a Caixa Econômica Federal.InscriçõesAs inscrições podem ser feitas até 22 de agosto pela internet, no endereço http://fies.caixa.gov.br. As instituições de ensino devem oferecer acesso à internet para os estudantes interessados. Será aplicado R$ 1,9 bilhão em recursos para o programa e, com os novos selecionados, o número de beneficiados deve atingir 288 mil estudantes.CondiçõesPara receber o financiamento, o estudante deve estar matriculado em uma instituição de ensino superior não gratuita, que tenha se cadastrado no Fies até 18 de julho. O curso deverá ter avaliação positiva do MEC e sua qualidade (como estrutura e professores), avaliada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), também será levada em conta.Além disso, o estudante não pode ter sido beneficiado anteriormente nem pelo PCE/Creduc, nem pelo Fies.No Fies, o porcentual de financiamento é escolhido pelo estudante no momento da inscrição, obedecendo ao limite máximo de 70% do valor da mensalidade cobrada pelo curso. A taxa de juros é de 9% ao ano, sendo fixa por todo o período de vigência do contrato, e o pagamento do empréstimo é feito em três etapas.Critérios de seleçãoEnquanto o estudante ainda está cursando a faculdade, ele deve pagar parcelas trimestrais de, no máximo, R$ 50. Após sua graduação, as 12 primeiras prestações têm o mesmo valor da parcela não financiada pelo programa; as demais são calculadas pela Tabela Price, com prazo de amortização de até uma vez e meia o período financiado (período em que o Fies desembolsou os pagamentos para a instituição de ensino).O Fies procura contemplar os estudantes mais carentes. Os critérios de seleção dos candidatos levam em consideração o perfil sócio-econômico - renda, número de membros da família, condições de moradia e o nível de escolaridade do candidato e, ainda, a existência de alguma doença grave ou outro estudante de faculdade paga na família.Cursos prioritáriosOs cursos de licenciatura, como História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia, Ciências, Letras e Educação, têm prioridade no programa.Este ano foram criados dois novos critérios de seleção, para beneficiar estudantes que tenham cursado pelo menos dois terços do ensino médio em escola pública e também aqueles candidatos que são professores de escolas de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio, das redes pública e privada. Além disso, receberão número maior de vagas e de recursos os Estados do Norte e do Nordeste.

Agencia Estado,

21 de julho de 2003 | 08h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.