MEC divulga resultado de avaliação em escolas públicas

O Ministério da Educação apresenta os resultados da primeira edição da Prova Brasil, que avaliou o conhecimento de língua portuguesa (com foco em leitura) e matemática (com foco em solução de problemas) de 3.306.317 estudantes brasileiros. O programa oferece informações sobre desempenho, por escola na rede pública, da educação básica. As provas foram aplicadas em cerca de 160 mil turmas de 41 mil escolas, em 5.398 municípios.Participaram da Prova Brasil alunos de 4ª e 8ª séries das escolas públicas urbanas, que declararam no censo escolar, pelo menos, 30 matriculados em cada série avaliada. Nas escolas onde o ensino fundamental está organizado em regime de nove anos, a prova foi aplicada nas turmas de 5º e 9º série.A avaliação foi realizada em novembro de 2005, em todos os Estados e no Distrito Federal. Os alunos responderam, também, a um questionário que coletou informações sobre seu contexto social, econômico e cultural.A Prova Brasil expandiu a avaliação feita, desde 1995, pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb). Enquanto o Saeb é feito por amostragem e oferece resultados no âmbito dos Estados e redes de ensino, a Prova Brasil é aplicada a todos os estudantes das séries avaliadas e apresenta médias de proficiência por unidade escolar. As escolas participantes receberão os resultados, com a média geral do desempenho de seus alunos. Gestores municipais e estaduais também receberão os dados sobre desempenho.EscalaOs resultados da Prova Brasil são apresentados em uma escala de desempenho por disciplina, expressa por numerais. São nove níveis que explicam o desempenho em Língua Portuguesa: 125, 150, 175 e assim sucessivamente, até o nível 350. Em Matemática, a escala é composta por dez níveis, que vão do 125 ao 375. As escalas das duas áreas variam de 25 em 25 pontos.Os níveis das escalas são interpretados em termos de competências e habilidades dos estudantes, contendo uma descrição do desenvolvimento demonstrado pelos alunos nas respostas aos itens da prova. O desempenho é apresentado em ordem crescente e cumulativa. Estudantes posicionados em nível mais alto da escala já desenvolveram as competências e habilidades deste nível, bem como os dos níveis anteriores.A escala é única para cada disciplina e permite apresentar, em uma mesma métrica, os resultados de desempenhos dos estudantes das 4ª e 8ª séries do ensino fundamental. Pela escala, pode-se verificar que porcentual de alunos já construiu as competências e habilidades requeridas para cada uma das séries avaliadas, quantos ainda estão em processo de construção do que seria adequado para a série e quantos estão acima do nível. Não se espera dos alunos da 4ª série o alcance dos níveis finais da escala, pois ela representa as habilidades desenvolvidas ao longo de todo o percurso do ensino fundamental.No nível 125 da prova de português, a partir de textos curtos, como contos infantis, histórias em quadrinhos e convites, os alunos da 4ª e da 8ª séries localizam informações explícitas que completam literalmente o enunciado da questão; inferem informações implícitas; reconhecem elementos como o personagem principal; interpretam o texto com auxílio de elementos não-verbais; identificam a finalidade do texto; estabelecem relação de causa e conseqüência, em textos verbais e não-verbais; e reconhecem expressões próprias da linguagem coloquial. No nível 125 da prova de matemática, os alunos da 4ª e da 8ª séries resolvem problemas de cálculo de área com base na contagem das unidades de uma malha quadriculada e, apoiados em representações gráficas, reconhecem a quarta parte de um todo. A descrição detalhada das competências por nível de pontuação está no website do Inep.

Agencia Estado,

30 de junho de 2006 | 13h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.