Lula e Haddad assinam artigo na revista 'Scientific American'

Presidente, ministro da Educação e neurocientista destacam o investimento de R$ 19 bilhões no setor

16 de janeiro de 2008 | 12h14

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ministro da Educação, Fernando Haddad, e o neurocientista brasileiro Miguel Nicolelis assinam um artigo na revista Scientific American no qual destacam a opção do País pela "educação científica". No artigo, Lula, Haddad e Nicolelis destacam o investimento de R$ 19 bilhões para a educação no quarto ano do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE).  O artigo diz que o PDE estabeleceu diretrizes para a criação do Instituições Federais de Educação Tecnológica (IFET), que visa construir uma rede de mais de 354 instituições de ensino dedicadas à ciência, tecnologia e especialização dos professores do sistema público de ensino. Segundo o texto "inspirado no exemplo de Santos Dumont", um grupo de cientistas brasileiros se estabeleceu em Natal, no Rio Grande do Norte, e formou o Instituto de Neurociência de Natal (ELS-IINN). O instituto tem um programa de ensino que auxilia a educação de mais de mil crianças que vivem em um local onde há "uma das mais pobres educações públicas do País". Lá, de acordo com o artigo, será desenvolvido um pólo de estudo científico voltado à neurociência. A meta é fazer com que mais de um milhão de crianças sejam matriculadas no maior programa de educação da história do País. Por fim, o texto conclui que medidas como as tomadas no PDE mostram que o País - caracterizado como "o gigante dos trópicos" - acordou e "está pronto para cumprir seu potencial como um país do futuro."

Tudo o que sabemos sobre:
educaçãoLulaciênciaPDE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.