Itaú lança 2.ª edição de prêmio para escolas públicas

A Fundação Itaú Social anunciou nesta segunda-feira a abertura das inscrições para a segunda edição do Prêmio Escrevendo o Futuro, que distribuirá, este ano, R$ 330 mil em material e bolsas de estudo. O tema do concurso será o mesmo da primeira edição, lançada em 2002 - O lugar onde vivo. O texto poderá ser apresentado em três gêneros: poesia, opinião e memória. As inscrições podem ser feitas por escolas públicas, que para isso devem preencher uma ficha a ser retirada nas agências do Banco Itaú, nas sedes da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Udime) ou nos sites www.itau.com.br e www.cenpec.org.br."Esperamos inscrever cerca de 20 mil escolas, com mais de 1 milhão de alunos", prevê o vice-presidente de Programas Sociais da fundação, Antonio J. Matias. Na primeira edição, participaram 4.657 escolas, 8 mil professores e 370 mil alunos.Os alunos trabalham os textos em oficinas regionais de escrita, sob a orientação de seus professores. Os três alunos vencedores da etapa final receberão bolsas de estudo para o ensino superior. Serão selecionados trabalhos de alunos de 4.ª e 5.ª séries do ensino fundamental. Os vencedores serão anunciados no dia 29 de novembro, em São Paulo.Concedido a cada dois anos, o Prêmio Escrevendo o Futuro tem uma programação contínua, com concurso de textos nos anos pares e ações para formação de professores nos anos ímpares.

Agencia Estado,

30 de março de 2004 | 02h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.