Integral produz material e organiza tempo do aluno

Metodologias de ensino e de organização do tempo do aluno fora da escola foram, segundo o fundador do Colégio Integral, Luiz Antonio Fernandes, fatores decisivos para levar a escola ao terceiro melhor lugar no ranking do Enem, pela unidade Alphaville. Em 2000, o Integral - que edita as próprias apostilas - lançou a Coleção Novo Ensino Médio, seguindo orientações estabelecidas pelo governo. "Estamos colhendo esses resultados", diz.

Tatiana Fávaro, O Estado de S. Paulo

19 Julho 2010 | 00h49

 

Os 400 alunos da unidade Alphaville recebem orientação e ferramentas para o controle dos próprios resultados. "O aluno é induzido a saber o que acertou e, mais importante, o que errou e o porquê enquanto faz os exercícios." Cerca de 25 mil alunos no País utilizam o material do Integral. "Quando chega em casa, o aluno sabe o que e quando estudar", diz, ressaltando a importância de organizar o tempo do aluno.

 

Os 40 professores do ensino médio contam com projetor multimídia, computador e acesso à internet. O modelo é o de aula expositiva, com ajuda da tecnologia. A mensalidade custa cerca de R$ 1 mil e cada aluno gasta entre R$ 700 e R$ 800 ao ano em material.

Mais conteúdo sobre:
Enem 2009 educação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.