Inpe abre inscrição para observação astronômica em escolas

Estão abertas as inscrições do 2º semestre (agosto a outubro) para as sessões de observação astronômica remota no Miniobservatório do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). A iniciativa, coordenada pela Divisão de Astrofísica, integra o projeto Telescópios na Escola, coordenado pela Universidade de São Paulo (USP). Este projeto implementou, no ano passado, uma rede de observatórios operados remotamente para o ensino de Ciências.A partir de um site na internet, ou usando dois softwares comerciais, estudantes e professores, em suas escolas, poderão controlar o telescópio e a câmera astronômica que se encontram no Miniobservatório Astronômico do Instituto, e adquirir imagens digitais de astros diversos como planetas, aglomerados de estrelas e galáxias. As imagens podem ser apresentadas na tela do computador da escola imediatamente após a observação. Em 2005, dez instituições de ensino realizaram sessões remotas no Miniobservatório.Para agendar uma sessão de observação remota, é necessário o preenchimento de um formulário eletrônico por um profissional de instituição de ensino. Uma vez aprovada a proposta, o usuário recebe um login e senha para acessar o telescópio no dia e horário agendados.Não há necessidade de conhecimento prévio sobre Astronomia por parte dos estudantes e professores. Pode-se escolher um projeto observacional dentre os sugeridos (Adote uma constelação, Um passeio pelo céu, Relevo da Lua, Movimento de um Asteróide) ou apresentar outro. Cada sessão é acompanhada por um pesquisador da Divisão de Astrofísica do Inpe.As sessões remotas ocorrem exclusivamente às quintas-feiras, das 19h às 22h. O formulário de inscrição e o calendário das sessões estão disponíveis na internet.

Agencia Estado,

01 de junho de 2006 | 15h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.