Início das aulas na USP Leste é novamente adiado

Reitoria não conseguiu encontrar novo espaço para as aulas; câmpus está interditado desde 9 de janeiro

O Estado de S. Paulo

28 Fevereiro 2014 | 15h56

Ainda sem espaço para as aulas, o início do ano letivo do câmpus Leste da Universidade de São Paulo (USP) foi prorrogado para 24 de março. A nova data é cinco semanas após o início das atividades para os outros estudantes da instituição, que começaram a estudar em 17 de fevereiro.

Segundo comunicado da reitoria nesta sexta-feira, 28, o motivo do adiamento é a dificuldade de encontrar um novo local para as aulas da USP Leste. O câmpus está interditado desde 9 de janeiro por causa de problemas ambientais e, nesta semana, a Justiça negou o pedido de reabertura da unidade. A reitoria cogita usar Faculdades de Tecnologia (Fatecs) ou prédios de instituições privadas para transferir os 5 mil alunos da USP Leste.

De acordo com a reitoria, as atividades de pós-graduação, como defesas de teses e dissertações, serão analisadas caso a caso. Na segunda-feira seguinte ao feriado de Carnaval, 10 de março, os alunos da USP Leste planejam fazer um ato em frente à reitoria contra a situação do câmpus.

Mais conteúdo sobre:
usp lesteadiamento das aulas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.