Fuvest vai identificar escola do candidato

A Fuvest vai, pela primeira vez, identificar a escola em que estudaram os candidatos ao vestibular mais concorrido do País. A intenção é a de produzir um banco de dados para deixar claros os problemas e os acertos do ensino em cada uma delas.?Não queremos fazer ranking?, diz o coordenador do vestibular da Fuvest, Roberto Costa. Segundo ele, as informações só serão repassadas para as escolas, que deverão se comprometer ? com pena de multa de R$ 10 mil ? a não divulgar externamente o desempenho de seus estudantes.Guia e catálogo de escolasO kit do vestibular 2005 trará, além do manual do candidato, o guia de profissões da Universidade de São Paulo (USP) e um catálogo com o código das escolas de ensino médio do Estado. A escola em que o vestibulando estudou deve ser identificada na ficha de inscrição por meio deste código.?Poderemos fazer estudos comparativos, a pedido da escola, da sua situação em comparação com outras?, explica Costa. A entidade também se propõe a analisar, gratuitamente, o desempenho de seus alunos em cada uma das disciplinas do exame.Direito de saber?O único problema é não dar essa informação para a sociedade. As escolas são caras, os pais têm o direito de saber quais delas são eficientes?, diz o diretor do Colégio Bandeirantes, Mauro Aguiar.?O trabalho não é só do colégio. Muitos alunos fazem cursinho no último ano do ensino médio?, diz o coordenador do Objetivo, Antonio Mario Salles. A Fuvest não deu códigos para cursos preparatórios.Salles também acredita que será difícil a não divulgação desses dados pela escola, mesmo com pena de multa. O representante do Etapa, Carlos Eduardo Bindi, sugeriu que fossem cruzados os dados das escolas com o questionário socioeconômico, em que os alunos respondem se freqüentaram cursinhos ou não.A diretoria da Fuvest prometeu reavaliar o processo no ano que vem.A partir de 2.ª feiraO kit do Vestibular 2005 da Fuvest começa a ser vendido segunda-feira, por R$ 7, em agências do Banespa. O aluno ainda deve pagar a taxa de inscrição de R$ 93 ? cerca de 20% mais cara que no ano passado ? até o dia 15 de setembro. A entrega da ficha de inscrição será nos dias 11 e 19 de setembro.Este ano, diferentemente dos demais, os candidatos receberão um cartão de convocação em casa, com a informação do local onde farão a prova.A Fuvest oferece para o ano que vem 9.947 vagas, que incluem os dez cursos do novo campus na zona leste da capital, previsto para ser inaugurado em fevereiro.

Agencia Estado,

06 de agosto de 2004 | 19h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.