Fuvest encerra inscrições com 17% menos candidatos

A Fuvest encerrou as inscrições, neste domingo, com 17% menos candidatos do que no ano passado, segundo levantamento preliminar da fundação. São 141.210 inscritos - em 2005, o número foi de 170.496. A queda, segundo a instituição, está relacionada com a baixa procura pelas isenções da taxa de inscrição, de R$ 100. Enquanto no ano passado todas as 65 mil isenções oferecidas foram preenchidas, um recorde de procura, neste ano apenas 42 mil estudantes carentes solicitaram o benefício.A diminuição na procura dos alunos de baixa renda ocorre justamente no momento em que o vestibular concederá um bônus de 3% na nota do exame de estudantes de escola pública. Além disso, a prova passou a ter 90 questões, 10 a menos que no ano passado, e o tempo de duração continuará de cinco horas. Outra novidade é o fato de 10% das perguntas passarem a ser interdisciplinares. As mudanças fazem parte do projeto Inclusp, um programa alternativo ao sistema de cotas, criado pela USP para aumentar o número de alunos carentes que ingressam na universidade.Mesmo com uma procura menor, quem deixou para se inscrever na última hora enfrentou filas em alguns dos 36 postos da capital e do interior, no domingo. No dia 10, houve apenas 40 mil inscrições.Os candidatos vão disputar 10.482 vagas distribuídas entre a Universidade de São Paulo (USP), a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e a Academia de Policia Militar do Barro Branco.Os locais de exame serão divulgados no dia 17 de novembro, e as provas da primeira fase estão marcadas para o dia 26 do mesmo mês.

Agencia Estado,

18 de setembro de 2006 | 15h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.