Fuvest abre inscrições para o vestibular 2014

Cadastro deve ser feito até 9 de setembro pela internet; são 11.157 vagas em disputa

O Estado de S. Paulo

23 Agosto 2013 | 09h05

Atualizado às 10h25.

SÃO PAULO - Começam nesta sexta-feira, 23, as inscrições para o vestibular 2014 da Fuvest. O cadastro deve ser feito exclusivamente pelo site http://www.fuvest.com.br até 9 de setembro. A taxa de inscrição, de R$ 130, poderá ser paga em bancos ou pela internet até a data-limite de 10 de setembro (com boleto gerado até o dia 9).

A Fuvest selecionará candidatos à Universidade de São Paulo (11.057 vagas) e ao Curso de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (100 vagas), totalizando 11.157 vagas. Este é o primeiro ano em que passam a valer as regras de bonificação de 5% no vestibular para candidatos declarados pretos, pardos e indígenas. São oferecidos 249 cursos de graduação em oito campi no Estado, nas cidades de Bauru, Lorena, Piracicaba, Pirassununga, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos e São Paulo.

Provas. A 1ª fase será em 24 de novembro, com início às 14h. O exame, com cinco horas de duração, terá 90 questões de múltipla escolha sobre disciplinas obrigatórias do Ensino Médio: Português, História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia, Inglês, e terá algumas questões interdisciplinares. A lista de convocados e dos locais dos exames da 2ª fase será divulgada em 16 de dezembro. Os candidatos farão as provas entre os 5 e 7 de janeiro de 2014 e a primeira chamada dos aprovados sai em 1º de fevereiro.

Os estudantes convocados para a 2ª fase farão mais três provas de caráter analítico-expositivo. Em 5 de janeiro de 2014 os candidatos responderão a dez questões de Português e farão uma Redação; em 6 de janeiro a prova terá 16 questões sobre disciplinas obrigatórias do Ensino Médio (História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia, Inglês). As perguntas podem abranger conhecimentos de mais de uma disciplina, inclusive Português. Em 7 de janeiro, a prova terá 12 questões de duas ou três disciplinas (seis ou quatro de cada), de acordo com a carreira escolhida. Todas as provas terão quatro horas de duração.

As provas serão feitas em 32 municípios do Estado. Na região metropolitana haverá exames em Barueri (com Santana do Parnaíba), Carapicuíba, Diadema, Guarulhos, Mogi das Cruzes, Osasco, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Taboão da Serra e São Paulo. No interior do Estado a Fuvest aplicará provas em Barretos, Bauru, Campinas, Fernandópolis, Franca, Jaú, Jundiaí, Limeira, Lorena, Marília, Mogi Mirim, Piracicaba, Pirassununga, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, Sorocaba e Taubaté.

Alunos de escola pública. O candidato que cursou o Ensino Médio integralmente em escola pública poderá optar pelo Sistema de Pontuação Acrescida, que permite elevação nas notas da 1ª e 2ª etapas, de acordo com cálculo baseado no desempenho do vestibulando na prova da primeira fase. As inscrições para o Programa de Inclusão Social, que também estimula a entrada de estudantes de escolas públicas na USP, terminaram em 18 de agosto.

Alunos com deficiência. Os candidatos com deficiência poderão ter acréscimo de 20% no tempo para realização das provas e, em alguns casos, a fiscais especiais, segundo a avaliação da equipe médica da instituição. Na inscrição é necessário que esses candidatos declarem-se como portadores de deficiências e preencham uma ficha de cadastramento, que será gerada pelo programa. Essa ficha deverá ser encaminhada à Fuvest, por correio, em carta registrada, postada até 13 de setembro, junto com as documentações. O endereço para a remessa está no Manual do Candidato, disponível no site.

Mais conteúdo sobre:
Fuvestvestibular

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.