Futuros centros universitários foram bem avaliados

Oito faculdades que pleiteiam a transformação em centro universitário obtiveram resultados "bom" e "muito bom" em avaliação institucional realizada pelo Ministério da Educação (MEC). Os resultados foram divulgados nesta quinta-feira, juntamente com o desempenho de dez centros universitários que passam atualmente pelo processo de recredenciamento."Os resultados são melhores do que os do primeiro credenciamento", disse o ministro da Educação, Paulo Renato Souza. Assim como as universidades, os centros universitários não dependem de autorização para criar cursos e expandir vagas. Criados em 1997, existem no País 66 centros. Das 18 instituições avaliadas, nenhuma tirou conceito insuficiente e apenas o Centro Universitário Univates ficou com uma nota irregular no item organização-institucional - foram analisados também as instalações e os professores.Paulo Renato pretendia anunciar nesta quarta-feira os resultados do Provão, mas foi proibido de fazer isso por determinação da Justiça, que acatou pedido de liminar da Associação das Faculdades e Institutos Superiores. A entidade cobrou que, juntamente com as notas do Provão, o MEC divulgasse os resultados da Avaliação das Condições de Ensino - à qual foram submetidos 538 cursos neste ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.