Fundação oferece bolsas na Espanha para professores

A Fundación Carolina, em parceria com o Banco Santander, a Universidade Politécnica de Madri e o Conselho Superior de Pesquisas Científicas (CSIC), na Espanha, está concedendo 60 bolsas de estudo para professores ou pesquisadores brasileiros, de universidades, institutos e centros públicos de pesquisa. As bolsas, para aprimoramento acadêmico e de pesquisa, terão duração mínima de um mês e máxima de três meses. Os selecionados receberão passagem aérea de ida e volta em classe turística à Espanha, mensalidade de 1,2 mil euros (R$ 3,2 mil) e seguro-médico, não inclusas despesas com medicamentos. Do total de bolsas, 12 são para os centros que fazem parte da Universidade Politécnica de Madri, 12 para os centros do CSIC e outras 36 para as demais universidades, centros e institutos de pesquisas espanhóis. A apresentação das propostas poderá ser feita em dois momentos: até 10 de março, para atividades que começarem a partir de 15 de abril de 2007; e até 30 de junho, para atividades que começarem a partir de 1º de agosto. As bolsas poderão ser usadas até 28 de fevereiro de 2008. Os interessados deverão preencher solicitação no site da Fundación Carolina, no item ?Becas de Formación Permanente? (Bolsas de Formação Permanente), no qual estão disponíveis todas as informações e formulários.

Agencia Estado,

22 de fevereiro de 2007 | 14h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.