Funcionários da USP, Unesp e Unicamp iniciam campanha salarial

Cerca de 350 funcionários e professores da Universidade de São Paulo (USP), Universidade Estadual Paulista (Unesp) e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) participam nesta quinta-feira do ato que marca o início da campanha salarial da categoria. Eles pedem 25% de reajuste salarial. A pauta de reivindicações, como o reajuste trimestral, foi entregue à reitoria da USP. A última greve da categoria foi em 2000.

Agencia Estado,

10 de abril de 2003 | 16h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.