Formação de professor é destaque em escola de Minas

Cercada por casas de classe média, a Escola Municipal José Ferreira Bastos é a instituição de ensino fundamental mais procurada na cidade de Itabirito, região central de Minas Gerais. Inaugurada há 16 anos, quando arregimentou professores de colégios particulares, a escola tem 1.410 alunos da 1ª a 8ª séries, e com uma proposta pedagógica ousada, conseguiu desbancar a idéia de que instituição pública não combina com ensino de qualidade.?Estudar lá significa que o aluno será submetido a um processo de aprendizagem de qualidade?, atesta Elizabeth Vieira Gomes, pesquisadora contratada pelo Unicef e pelo MEC. Elizabeth destaca a capacitação dos professores, estimulados a participar de cursos de formação e atualização, e a interação de toda a comunidade escolar, além da oferta de laboratórios de computação, por exemplo. ?O diferencial é dentro da sala de aula. É a relação professor-aluno, participação da família e os alunos terem atividades extracurriculares?, diz.Os alunos, por sua vez, passam por constantes avaliações e, de acordo com a pesquisadora do MEC e do Unicef, são fortemente estimulados a desenvolver o hábito da leitura. Já os professores possuem autonomia para desenvolver projetos a partir de demandas que vão surgindo ao longo do ano.

Agencia Estado,

19 de dezembro de 2006 | 20h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.