Federal do PR terá cota para negros no próximo vestibular

O Conselho Universitário da Universidade Federal do Paraná (UFPR) aprovou nesta sexta-feira, por 21 a 19 votos, a cota de 20% para alunos negros e demais afrodescendentes já a partir do próximo vestibular. Também haverá uma cota de 20% para alunos de escolas públicas.O objetivo, segundo o conselho, é aumentar a diversidade social na instituição. Segunda-feira os conselheiros devem voltar a se reunir para discutir uma possível reserva de vagas para indígenas."Esta foi a melhor escolha para o Estado, uma vez que não é possível que o Paraná, que tem 22% de negros, tenha quase que historicamente impossibilitado a presença da população negra na Universidade Federal", disse a presidente do Instituto de Pesquisas da Afrodescendência, Marcilene Garcia de Souza.Segundo ela, historicamente a população negra sempre esteve representada por 1% ou menos que isso na UFPR.

Agencia Estado,

07 de maio de 2004 | 16h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.