Estudantes consideram provas do segundo dia da 2ª fase da Unicamp menos trabalhosas

Candidatos tiveram de responder a 18 questões dissertativas de ciências humanas e artes e 6 de língua inglesa

Rejane Lima e Estadão.edu

17 Janeiro 2011 | 18h19

As provas do segundo dia da 2ª fase do vestibular da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) foram menos trabalhosas e extensas que as provas de domingo, afirmaram alunos que fizeram o exame em Santos, na Baixada Santista. Os estudantes tiveram de responder a 18 questões dissertativas de ciências humanas e artes e 6 de língua inglesa.

 

“Hoje deu tempo de fazer tudo, foi mais tranquilo, mas estou desconfiando que amanhã vai ser corrido como ontem, porque a prova terá muitas contas", disse a estudante Giullia Sarabando, de 18 anos, que tenta uma vaga no curso de Engenharia de Produção. Segundo ela, as provas de geografia e história abrangeram um vasto conteúdo e para ir bem na prova de inglês, o aluno precisava ter bastante vocabulário. “Não era interpretação de texto, tinha que saber o significado de cada palavrinha”, completa.

 

“Nossa, na prova de história e geografia caiu de tudo, tinha meio que uma pergunta de cada assunto”, conta o vestibulando de Medicina Gustavo Pereira Martins, de 20 anos, afirmando que a prova de história tinha questões sobre a Revolução Inglesa, Grécia, Ditadura Militar, Constituição de 1988, Congresso Nacional, Segunda Guerra Mundial e Guerra do Iraque. Já do conteúdo de geografia, o jovem destaca perguntas sobre clima, vegetação e sobre a usina hidrelétrica de Belo Monte.

 

Professores de cursinho avaliaram a prova de língua portuguesa e literatura e de matemática aplicada ontem como feita para selecionar "gênios".

 

As provas da 2ª fase serão realizadas até esta terça-feira, 18, em 21 cidades do País. A duração dos exames é de quatro horas nos três dias e os portões são fechados às 13 horas. Amanhã, serão avaliadas as ciências da natureza, em 24 questões dissertativas.

 

Os 16.644 candidatos convocados concorrem a 3.444 vagas em 66 cursos da Unicamp e dois cursos da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp).

Mais conteúdo sobre:
Unicamp Vestibular

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.