Especialistas debatem mudança do Enem por ocupações na Rádio Estadão

Debate vai ao ar às 15h; já às 11h45, jornalistas entrevistarão procurador do Ceará que pediu a suspensão do Enem em todo o País

O Estado de S.Paulo

03 Novembro 2016 | 11h35

SÃO PAULO - A mudança de data de realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para 191 mil estudantes anunciada nesta semana pelo Ministério da Educação (MEC) será debatida por especialistas na tarde desta quinta-feira, 3, às 15h, na Rádio Estadão. Participarão da conversa o professor da Faculdade de Educação da USP Roberto da Silva, e o diretor de ensino do Anglo Vestibulares, Paulo Moraes.

O motivo da transferência é a ocupação de escolas em todo o País, que afeta 304 locais de prova. Inscritos afetados pela mudança serão avisados por SMS, e-mail e na Página do Participante, no site do Enem, que estão dispensados do exame neste fim de semana. A data de divulgação dos novos locais deve ser na sexta. 

Por causa da mudança, o procurador da República no Ceará Oscar Costa Filho pediu a suspensão do exame em todo o País, alegando falta de "isonomia" na aplicação, já que o tema da redação será diferente nas provas. Ele também será entrevistado pela Rádio às 11h45 desta quinta.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.