Equipe do MEC discute analfabetismo na Índia

A convite da Unesco, o secretário extraordinário de Erradicação do Analfabetismo do MEC, João Luiz Homem de Carvalho, e o diretor do Fundescola, João Carlos Teatini, passam esta semana na Índia, onde participam de uma série de encontros sobre alfabetização e educação informal. Brasileiros e indianos vão discutir os esforços que estão sendo realizados nos dois países para acabar com o analfabetismo. No Brasil, a taxa de analfabetismo de jovens e adultos é de quase 14%. Na Índia, o percentual é de cerca de 40% da população. O secretário João Luiz vai apresentar aos indianos o Programa Brasil Alfabetizado, criado pelo governo federal para erradicar o analfabetismo até o ano 2006. As informações são da Agência Brasil e do Ministério da Educação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.