Equipe brasileira premiada em Olimpíada de Física

Toda a equipe brasileira que participou da Olimpíada Ibero-Americana de Física, entre os dias 23 e 30 de setembro, em Coimbra, Portugal, foi premiada. Os estudantes Alexandre Martani (SP), Hugo Cangussu Marrochio (SP), Raphael Rodrigues da Mata (BA) e Leonardo Lucas Soares (CE) ganharam medalhas de, respectivamente, ouro, prata, bronze e menção honrosa. Todos são alunos do ensino médio e foram selecionados entre quase 34 mil participantes da Olimpíada Brasileira de Física (OBF) de 2004, evento que a Sociedade Brasileira de Física (SBF) realiza anualmente em todo o País. ?Na competição internacional, eles enfrentaram cerca de 70 concorrentes de 21 países, em duas provas, uma teórica e outra experimental, cada uma com cinco horas de duração?, disse Carlito Lariucci, professor da Universidade Federal de Goiás, que acompanhou os alunos na viagem a Portugal. Segundo Lariucci, o desempenho dos alunos foi excelente, tendo em vista que, do total dos participantes, apenas 8% foram premiados - cinco com medalhas de ouro, nove com prata, 12 com bronze e 15 com menções honrosas. O Brasil, que participa da Olimpíada Ibero-Americana de Física desde 1999, tem melhorado seu desempenho a cada ano. Dentre 19 países da América Latina mais Portugal e Espanha, os estudantes brasileiros conquistaram, em 2004 e 2005, o primeiro lugar, com duas medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze.

Agencia Estado,

16 de outubro de 2006 | 15h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.