<!-- eprograma -->Réplica de esqueleto de dinossauro é atração na USP

Uma réplica do esqueleto do dinossauro Allosaurus fragilis, de 12 metros de comprimento e 3,5 metros de altura, está em exposição no Instituto de Geociências da Universidade de São Paulo (USP) - na Rua do Lago, Cidade Universitária. A construção do esqueleto exigiu oito meses de trabalho.O "esqueleto" é fruto de um projeto da Oficina de Réplicas do Museu de Geociências que tem como objetivo a produção, com critérios científicos, de réplicas de fósseis de diversos períodos geológicos, em tamanho natural. De acordo com o paleontólogo Luiz Eduardo Anelli, o Allosaurus fragilis viveu entre 140 e 147 milhões de anos atrás.Segundo o pesquisador Thomas Rich Fairchild, essa espécie habitou a Terra por cinco a dez milhões de anos, "o que é pouco em relação à idade do planeta" - 4,5 bilhões a 5 bilhões de anos, aproximadamente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.