Ensino Médio Técnico com proposta inovadora prepara jovens para empreender e investir no futuro
Conteúdo Patrocinado

Ensino Médio Técnico com proposta inovadora prepara jovens para empreender e investir no futuro

Senac São Paulo oferece cursos em Administração, Multimídia, Informática e Internet das Coisas pautados no protagonismo e nos projetos de vida dos estudantes

Senac, Estadão Blue Studio
Conteúdo de responsabilidade do anunciante

13 de dezembro de 2021 | 08h00

Modalidade que reúne mais de 925 mil alunos no Brasil, segundo o Censo da Educação Básica 2020, a formação no Ensino Médio Técnico era, no passado, associada apenas à habilitação de mão de obra para imediata inserção em vagas de trabalho. Essa visão tecnicista, contudo, está ficando cada vez mais para trás e dando lugar a propostas que buscam uma formação humana, cidadã e empreendedora dos jovens.

No Senac São Paulo, com escolas presentes em 13 cidades, por exemplo, desde 2019 a proposta de ensino leva estudantes a refletir sobre seus projetos de vida e sobre os problemas que eles observam na sociedade. Em vez de aulas divididas por disciplinas, a proposta inova ao colocá-los para fazer projetos que reúnem diferentes áreas do conhecimento e permitem aplicar as teorias na prática.

“Os adolescentes são incentivados à resolução de problemas complexos, a pensar ‘fora da caixa’ e a estabelecer soluções disruptivas e inovadoras, o que certamente trará a eles grande vantagem quando inseridos nas suas futuras profissões”, explica Melina Sanjar, gerente de Desenvolvimento e responsável pelo Ensino Médio Técnico do Senac São Paulo.

Para Bruno Silva Teles, aluno do 2º ano do Ensino Médio Técnico no Senac Pindamonhangaba, no interior paulista, foi exatamente o incentivo para pensar fora da caixa que lhe permitiu elaborar com seus colegas um game online sobre depressão na adolescência.

Criado com base em pesquisas e entrevistas com profissionais da área, o jogo “Mental” conta a história de um adolescente de 17 anos de idade, negro, periférico e homossexual, e transpassa por como ele lida com as suas questões psicológicas, com problemas de ansiedade e depressão.

“Acho que, por conta da pandemia, o tema do jogo se tornou super-relevante. Mais do que nunca, eu e meu grupo ficamos motivados a continuar e fazer acontecer, já que o tema do jogo é justamente sobre saúde mental e relações sociais”, conta o estudante, que vem trabalhando na versão final do game para lançamento ao público.

Assista aqui ao vídeo:


Aprendizagem conectada com o futuro

Para Francine Prolungati, coordenadora do Ensino Médio Técnico no Senac Pindamonhangaba, exemplos como esse mostram como a organização da proposta por projetos consegue conectar os conhecimentos, as práticas e todo o processo de desenvolvimento da autonomia dos alunos. “A formação integrada entre áreas, somada à formação profissional, proporciona uma grande possibilidade de conexão entre os conhecimentos e práticas vivenciadas entre alunos e professores.”

Para colocar a proposta em prática, os docentes realizam um planejamento coletivo para identificar as similaridades e possibilidades dessas conexões entre os conhecimentos. “Os estudantes chegam nessa etapa da vida com muitos sonhos, anseios e perspectivas de um futuro promissor. É uma fase de muitas expectativas, e os projetos contribuem para que eles vivenciem na prática o que aprendem na escola, aquilo que eles querem e desejam conhecer”, aponta Francine.

O modelo está alinhado às diretrizes do Novo Ensino Médio, que passa a vigorar no Brasil em 2022. Além de cursos de Administração, Multimídia e Informática, os alunos contarão ainda com o recém-lançado curso de Internet das Coisas (IoT). Esse tipo de tecnologia é capaz de conectar à rede desde itens pessoais, como óculos e bonés, até itens domésticos e fábricas inteiras, e é considerado uma das áreas mais promissoras para as empresas no futuro, segundo o Fórum Econômico Mundial.

De acordo com Melina Sanjar, todas as escolhas são baseadas em estudos de mercado e suas demandas por profissionais. “Atentos a essa tendência, entendemos que esta seria uma oportunidade de inserção dos nossos alunos em um mercado pujante, que só tende a crescer nos próximos anos.”

Escolha assertiva e acessível

Para ingressar no Ensino Médio Técnico do Senac São Paulo, o aluno, junto com sua família, escolhe um dos cursos disponíveis na unidade e terá essa formação ao longo dos três anos.

Para que essa escolha seja assertiva, os jovens podem vivenciar um pouco de cada área por meio de eventos, cursos e palestras, como detalha a coordenadora Francine Prolungati. “Nesses momentos esclarecemos todas as dúvidas sobre a área que os interessados pretendem escolher, além de abrir caminho para que eles conversem com os professores e alunos que já estudam na escola.”

Visando a democratização do ensino e o acesso a um maior número de pessoas, a escola trabalha com linhas de descontos e bolsas que facilitam o acesso para estudantes egressos do ensino público, alunos e ex-alunos do Senac ou dependentes de comerciários, por exemplo. Para saber mais, acesse www.sp.senac.br/ensinomedio.

 

Descubra o Ensino Médio Técnico ideal para você!

O Senac São Paulo, que dispõe de quatro cursos diferentes, te ajuda a “dar o match perfeito” para concluir essa etapa dos estudos com vantagem de ingresso no mundo do trabalho


Marque apenas uma opção por pergunta e veja o resultado no final do teste.

1. Olhando para os influenciadores que você segue nas redes sociais, em sua maioria esses perfis são:

A- Páginas de fotografia, cartoons e comunicadores

B- Especialistas em finanças, empreendedores, análise política e noticiário

C- Tecnologia, gadgets, ciências

D- Tendências, inovação, comunicação e carreiras do futuro


2. Com quais disciplinas você mais se identifica?

A- Temas relacionados a idiomas e artes

B- Temas relacionados a cálculos e história

C- Temas relacionados à física e computação

D- Temas relacionados à lógica e estudos sociais


3. Com qual afirmação, sobre rotina e sistema de organização, você mais se identifica?

A- Prefiro ser totalmente sem rotina e me organizar de acordo com o dia

B- Gosto de ter meus horários bem estabelecidos e me organizo para não haver conflitos

C- Gosto de ter uma rotina, mas adapto facilmente meu sistema de organização nas exceções

D- Não curto rotina, mas me considero uma pessoa bem organizada


4. Quando pensa no futuro, como se enxerga atuando no mundo do trabalho?

A- Em um ambiente descolado, informal e altamente criativo

B- Em um ambiente mais formal, com planos e metas bem estabelecidos

C- Em um ambiente nem tão formal, lidando com pessoas e desafios todos os dias

D- Em uma profissão que me desafie diariamente e que me dê espaço para inovar


5. Para você “empreender” significa:

A- Ser criativo e acreditar nas próprias ideias

B- Abrir uma empresa ou estar na liderança de um negócio

C- Ter um olhar analítico para os problemas e buscar melhorias e soluções

D- Ser inovador e ter senso de oportunidade em todas as situações


Se você marcou a maioria A: Ensino Médio Técnico em Multimídia

Seu mundo é imerso em criatividade, cores, formas, lifestyle e gosta de estar sempre por dentro das novidades. Gosta de expressar de alguma forma, seja por meio da oratória, desenhando, escrevendo ou por meio da música.


Se você marcou a maioria B: Ensino Médio Técnico em Administração

Com um perfil bastante empreendedor, de liderança e disciplinado, tem a oportunidade de ir bem longe se colocando à frente de negócios. Mas não se engane! Administrar vai muito além de abrir seu próprio negócio, se trata de uma função muito estratégica e necessária no mundo do trabalho.


Se você marcou mais C: Ensino Médio Técnico em Informática

Sem dúvidas as “máquinas” chamam sua atenção e a tecnologia faz parte do seu cotidiano. Seu perfil mais lógico e capacidade analítica podem te trazer muitas oportunidades bacanas nesta área que só tende a crescer.


Se você marcou mais D: Ensino Médio Técnico em Internet das Coisas

Curiosidade e vontade de quebrar paradigmas fazem parte da sua personalidade. Sabe que o futuro pode reservar oportunidades inesperadas e está sempre de olho nas inovações tecnológicas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.