Ensino fundamental começará aos 6 anos em Minas, a partir de 2004

Minas Gerais quer ser o primeiro Estado a se enquadrar na Lei de Diretrizes e Bases para a Educação (LDB), de 1996. O governador Aécio Neves (PSDB) assinou decreto estabelecendo a ampliação da duração do ensino fundamental de oito para nove anos no Estado. Com a mudança, no próximo ano, as crianças que completam 6 anos até abril de 2004 já poderão ingressar nas escolas da rede pública.Cerca de 130 mil alunos de 6 anos deverão se inscrever, segundo a Secretaria Estadual da Educação (SEE). Para dar conta da demanda adicional, o governo estima um gasto extra de R$ 50 milhões no próximo ano. Conforme a SEE, até o momento cerca de 300 prefeituras já manifestaram interesse na ampliação do sistema."O Estado de Minas está acolhendo todos mais cedo para dar a oportunidade a pais, professores e alunos de fazer um bom trabalho na aprendizagem da criança", afirmou a secretária da Educação, Vanessa Guimarães Pinto.O objetivo principal ao acrescentar um ano escolar, segundo a secretária, é melhorar a capacidade de leitura e escrita dos alunos. "As crianças merecem essa oportunidade de aprender bem. Também teremos mais tempo para investir com cuidado na sua alfabetização."

Agencia Estado,

06 de agosto de 2003 | 11h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.