Empreendimentos têm boa taxa de contratação

Os empreendimentos programados nos últimos anos permancem contratando. Em agosto, por exemplo, a rede Pestana inaugura um hotel em Curitiba. Lá, estão sendo abertas 100 vagas para todas as posições operacionais da unidade (recepcionistas, operadores de reservas, camareiras, garçons etc.) A faixa salarial está no nível do mercado de trabalho da hotelaria da capital do Paraná, garantem seus executivos.Deise Vieira, diretora de Recursos Humanos do Club Med Brasil, explica que investir em novos talentos é uma das filosofias do Club Med. Ela diz que a proposta do grupo é estar em sintonia com o projeto do Primeiro Emprego do governo, que estimula a admissão de jovens que nunca trabalharam.O Club Med já tem como tradição contratar funcionários sem experiência prévia. Os villages ? como os de Rio das Pedras (RJ), Itaparica e Trancoso (BA) ? costumam fazer com freqüência seleção de monitores de tênis, vela ou esqui aquático (que não precisam de experiência profissional anterior, desde que saibam praticar o esporte e tenham habilidade para ensinar).Há também vagas para outras atividades como esteticistas, costureiras, DJs, técnicos de som ou de luz, cenógrafos, organizadores de evento, maîtres de restaurante e chefs (com experiência prévia comprovada).Eles são chamados de GOs, os responsáveis pela animação dos resorts da rede. Além de deixarem os hóspedes à vontade, eles podem monitorar esportes praticados no Club, acompanhar atividades infantis, trabalhar na preparação dos shows noturnos ou como responsáveis pela cozinha ou restaurante.  leia também  Turismo aquece mercado para profissionais da cultura     Eventos, aventura e incentivo em alta

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.