Em carta à comunidade acadêmica, reitor da USP declara apoio a candidato

A assembleia eleitoral da instituição votará a lista tríplice de candidatos, que será encaminhada ao governador

16 Dezembro 2013 | 20h58

Em carta aberta à comunidade acadêmica, o reitor da Universidade de São Paulo (USP), João Grandino Rodas, declarou apoio ao candidato Wanderley Messias da Costa, que foi superintendente de Relações Institucionais na atual gestão. Considerada de situação, a chapa Mantendo o Rumo ainda traz como vice Suely Vilela, ex-reitora da USP (2005-2009).

Embora tenha evitado abrir seu apoio no início da campanha eleitoral, Rodas passou a manifestar suas preferências nas últimas semanas. "Estou convicto de que os candidatos Wanderley e Suely são os melhores e conduzirão a Universidade a novos patamares de excelência e visibilidade", diz Rodas, no texto divulgado pela chapa Mantendo o Rumo por e-mails e redes sociais. Na carta, o reitor também rebate críticas sobre a saúde financeira da universidade e a centralização administrativa.

A assembleia eleitoral da USP, com maioria de professores, votará nesta quinta-feira, 19, a lista tríplice de candidatos, que será encaminhada ao governador Geraldo Alckmin (PSDB), responsável pela palavra final. Os outros candidatos são Hélio Nogueira da Cruz, ex-vice-reitor, Marco Antonio Zago, ex-pró-reitor de Pesquisa, e José Roberto Cardoso, ex-diretor da Escola Politécnica. Rodas fica à frente da instituição até janeiro de 2014. Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa da USP não foi encontrada.

Leia a carta na íntegra:

"Caros Colegas,

A maneira como desenvolveu-se a campanha eleitoral obrigou-me a duas ordens de definições. Primeiramente desmentir, veementemente, inverdades sobre a atual administração reitoral, como, por exemplo, acerca da saúde financeira da Universidade e questões relacionadas à descentralização e à participação colegiada na USP.

Tenho agora a obrigação de instar que os eleitores votem, no próximo dia 19, em prol de uma Universidade melhor e mais fraterna, bem como de abrir meu voto e sua motivação.

Estou convicto de que os candidatos Wanderley e Suely são os melhores e conduzirão a Universidade a novos patamares de excelência e visibilidade. Cheguei a essa conclusão em virtude da biografia, do currículo e das qualidades pessoais de cada um deles; bem como por terem desenvolvido sua campanha dentro dos limites da verdade, do respeito e da ética.

Fizeram propostas para o futuro da Universidade, em que mantém projetos básicos em curso, mas também indicam caminhos novos para a Universidade, aptos a levarem-na rumo a um futuro que combine tradição, modernidade e excelência.

Concluo dizendo: Não ao retrocesso, Wanderley e Suely para dirigirem a USP!

Atenciosamente, João Grandino Rodas"

Mais conteúdo sobre:
reitor USP Rodas lista tríplice

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.