Eleição para o cargo de diretor escolar é o método mais utilizado

Das redes estaduais do País, 66% usam a eleição para escolher o gestor

Mariana Mandelli, O Estado de S. Paulo

02 Março 2011 | 11h38

Presente em 66% das redes estaduais do País, a eleição é a forma mais utilizada para selecionar o gestor. Ela pode ser combinada com outros métodos – como a própria indicação política.

 

Leia também:

 

- Indicação política influencia nomeação de diretor em 42% das redes de ensino

 

Ao todo, segundo o estudo da Fundação Victor Civita em parceria com a pesquisadora Heloisa Lück, seis Estados utilizam exclusivamente o processo eleitoral como forma de seleção: Mato Grosso, Goiás, Paraná, Rio Grande do Sul, Piauí e Rio Grande do Norte. Outros métodos citados na pesquisa são certificação, entrevista, provas e concurso público, que podem ou não ser combinados uns com os outros.

 

O estudo também mostrou que 92% das redes estaduais oferecem capacitação aos diretores. No caso das escolas municipais, o índice é de 80%.

 

A pesquisa revelou ainda que 20% das secretarias estaduais não apresentam uma unidade responsável por políticas de seleção dos diretores de suas escolas.

Mais conteúdo sobre:
Diretor escolarEscola

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.