<!-- eeducação -->MEC faz plano para ensino fundamental de 9 anos

O Ministério da Educação está preparando um plano para ajudar Estados e municípios a ampliarem seu sistema de ensino fundamental de oito para nove anos, começando a matricular as crianças aos 6 anos de idade. Mas não há ainda previsão de que essa série a mais seja implementada em todo o País, já que Estados e municípios têm autonomia para decidir fazê-lo ou não.O assunto está sendo debatido nesta semana em Brasília por representantes dos sistemas estaduais e municipais, mas ainda não há um consenso. Hoje, o Brasil é o único País da América do Sul a ter apenas 11 anos de educação básica ? oito anos do ciclo fundamental e três do ensino médio. Nos demais Países são pelo menos12 anos.A inclusão de mais um ano permitiria, por exemplo, adequar os currículos escolares do Brasil ao das escolas dos outros países do Mercosul ? Argentina, Paraguai, Uruguai e os associados Chile e Bolívia. Hoje a transferência escolar entre esses países é dificultada por causa dessas diferenças.Apesar da Lei de Diretrizes e Bases da Educação, de 1996, já prever a ampliação, apenas 7,3 milhões de estudantes dos 38 milhões matriculados no ensino básico no País estão em sistemas com nove anos. Entre os Estados que já adotaram um ano a mais no ensino fundamental estão Rio Grande do Norte, Minas Gerais, Goiás e Amazonas.No entanto, aumentar um ano na escolaridade obrigatória significa ter mais alunos e aumentar o investimento em professores, salas de aula, material escolar, além de investimentos em treinamento pedagógico. Os currículos escolares do ensino fundamental e a proposta pedagógica para a educação infantil também terão que sermudados.De acordo com o presidente da União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Adeum Hilário Sauer, a mudança sempre foi defendida pela entidade, mas deve ser implementada gradualmente. "É preciso adequar as atividades pedagógicas para as crianças de 6 anos", disse.A reunião com representantes dos Estadose municípios termina nesta sexta-feira, com a intenção de que seja proposta uma meta e uma previsão para que o sistema seja ampliado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.