Curso de linguagem de sinais faz vestibular em 9 Estados

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em parceria com outras oito instituições de ensino superior públicas, federais e estaduais, realiza no domingo, dia 27, vestibular para o primeiro curso semipresencial de graduação em letras e língua brasileira de sinais (libras) oferecido no País. São 3.162 candidatos, que concorrerão a 500 vagas.O vestibular ocorrerá simultaneamente nas nove instituições nas quais os alunos fizeram a inscrição. O processo seletivo terá etapa única, com duas provas: 15 questões sobre conhecimentos gerais, formuladas em libras, e cinco sobre conteúdos da língua portuguesa, em português. Os candidatos concorrem nas categorias instrutor surdo de libras certificado, surdo fluente em libras ou ouvinte fluente na língua brasileira de sinais.Das 500 vagas, a UFSC oferece 60. As demais instituições, 55 cada uma. Na UFSC concorrem 402 candidatos; na Universidade de Brasília (UnB), 570; na Universidade Federal do Ceará (UFCE), 310; no Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet) de Goiânia, 341; na Universidade Federal do Amazonas (Ufam), 182; no Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), 388; na Universidade Federal da Bahia (UFBA), 340; na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), 183; na Universidade de São Paulo (USP), 446.Entre os concorrentes, 677 são surdos; 599, instrutores surdos e 1.886, ouvintes. A UnB tem o maior número de candidatos surdos (143). O Ines, o de instrutores surdos (110). A UnB e a USP têm os maiores números de inscritos ouvintes - 348 e 310, respectivamente.

Agencia Estado,

23 de agosto de 2006 | 16h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.